• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Comissão de inquérito ao caso de Tancos vai ouvir 63 personalidades e entidades até maio de 2019

06/12/2018 00:02

A comissão parlamentar de inquérito ao furto de material militar dos paióis de Tancos vai ouvir, até maio de 2019, 63 personalidades e entidades, incluindo o depoimento, por escrito, do primeiro-ministro, António Costa.

Todos os requerimentos foram aprovados por unanimidade pelos partidos, à exceção da lista de personalidades apresentadas pelo PS, dado que os partidos da oposição, PSD e CDS-PP, queriam que ficasse em aberto a possibilidade de António Costa poder depor presencialmente.

Ascenso Simões, do PS, argumentou com a prática seguida em anteriores comissões de inquérito, mas tanto o CDS como o PSD insistiram que ficasse em aberto, dado que o regime jurídico dos inquéritos parlamentares menciona a opção de depor por escrito.