• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Barcelos vai abrir Museu do Design Português com acervo de Paulo Parra

21/11/2018 00:02

A Casa Conde de Vilas Boas, em Barcelos, vai ser recuperada para acolher o Museu do Design Português, com o acervo do colecionador Paulo Parra

Em comunicado, o município de Barcelos acrescenta que na segunda-feira foi assinado o protocolo para a cedência, por 11 anos, daquele acervo.

O valor das prestações anuais a pagar pelo município a Paulo Parra será de 15 mil euros nos primeiros dois anos e de 35 mil nos seguintes.


A Câmara terá direito de opção caso Paulo Parra decida vender a coleção e tem de editar um livro bilingue sobre a coleção.

O museu abrirá num prazo máximo de 18 meses, mas o espólio fica desde já à guarda do município.

A “Coleção Paulo Parra” conta com cerca de 500 peças, que representam “as maiores empresas industriais e designers do país” nas áreas da cerâmica, vidro, madeira, metal, plásticos e papel.

É constituída, nomeadamente, por “produtos de referência” de empresas como a Vista Alegre, Electrocerâmica, Porcelanas de Coimbra, Bordalo Pinheiro, Oliva, Hipólito e TAP, entre outras.