• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Juízes mantêm greve depois de reunião inconclusiva com minsitra

20/11/2018 00:17

Os juízes mantêm a greve a iniciar esta terça feira depois de ter sido inconclusiva a reunião com a ministra da Justiça, por esta não ter apresentado “propostas concretas”, segundo a Associação Sindical dos Juízes Portugueses.

A associação marcou uma maratona de 21 dias de greves que se inicia hoje, com uma paralisação geral que abrange todos os tribunais do país e envolve, à partida, cerca de 2.300 magistrados judiciais.

O presidente da Associação Sindical dos Juízes Portugueses Manuel Soares, disse que para a greve ser cancelada seria preciso que o Governo, juízes e parlamento estivessem de acordo sobre um princípio razoável, ou seja, de que a revisão do Estatuto dos Juízes não pode abranger só metade daquela carta de direitos e deveres, sem resolver os bloqueios remuneratórios criados nos anos 1990.

A última greve dos magistrados judiciais ocorreu em finais de outubro de 2005, durante o primeiro governo de José Sócrates, e surgiu em protesto contra a política do executivo socialista de redução das férias judiciais, congelamento da progressão das carreiras, alteração aos estatutos de aposentação e estatuto sócio profissional.