• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Marcelo Rebelo de Sousa diz que teve encontro caloroso com Trump, com divergências na imigração

28/06/2018 00:17

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou que teve um encontro caloroso com o seu homólogo Donald Trump, em que ficaram expressas as convergências, mas também as divergências, desde logo quanto à política de imigração.

Marcelo Rebelo de Sousa falava aos jornalistas portugueses na Chancelaria da Embaixada de Portugal em Washington, logo após a sua reunião com o Presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, na Sala Oval da Casa Branca.

Segundo o chefe de Estado português, houve das duas partes disponibilidade não apenas para falar, mas para ouvir sendo a política de imigração uma das áreas de divergência.

Marcelo Rebelo de Sousa recusou responder sobre qual foi a impressão com que ficou de Donald Trump, com o argumento de que um chefe de Estado não comenta psicologicamente outro chefe de Estado, nem psicológica nem politicamente.

Interrogado sobre se convidou o Presidente dos Estados Unidos a visitar Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa começou por dizer que esses convites são formulados formalmente, pelos canais próprios e que estes encontros não são vocacionados para esse tipo de convites.

O chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, congratulou o seu homólogo norte-americano, Donald Trump, pelo facto de se ir encontrar com o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, considerando que são boas notícias.