• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Governo espanhol anuncia que França irá acolher migrantes do navio Aquarius

16/06/2018 14:42

A França irá acolher migrantes do “Aquarius”, depois de uma análise à sua situação em Espanha, onde o navio deve atracar no domingo, anunciou hoje o Governo espanhol.

O Governo francês colaborará com o Governo espanhol no acolhimento dos migrantes do ‘Aquarius’, anunciou a vice-presidente do executivo espanhol, Carmen Calvo, num comunicado.

Na nota, a Presidência do Governo espanhol refere que a França aceitará os migrantes que cheguem ao porto de Valência e que, uma vez cumpridos todos os protocolos que estabelece o procedimento de acolhimento, expressem o seu desejo de ir para território francês.

O Presidente do Governo, Pedro Sánchez, agradeceu a oferta ao seu homólogo francês, Emmanuel Macron, e considerou que este é o quadro de cooperação com o qual a Europa deve responder, segundo a nota.

Carmen Calvo, que coordena o dispositivo de receção aos emigrantes, aceitou a proposta, depois de falar com o embaixador francês em Espanha, Yves Saint-Geours.

Na passada quinta-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Jean-Yves Le Drian, manifestou ao seu homólogo espanhol, Josep Borrell, a disposição da França para colaborar na receção de passageiros do “Aquarius”, depois da análise, em Espanha, do cumprimento dos critérios para terem direito ao asilo.

O Ministério da Defesa espanhol revelou que, hoje de manhã, o patrulheiro da Marinha espanhola Vigía iniciou a escolta para o porto de Valência do “Aquarius” e dos dois navios italianos que têm a bordo os 629 imigrantes resgatados na semana passada na costa da Líbia.

Além dos migrantes do Aquarius, os serviços de resgate marítimo de Espanha anunciaram que na sexta-feira e na manhã de hoje já resgataram 933 pessoas e recuperaram quatro corpos de dezenas de barcos de migrantes que tentaram a perigosa travessia do mar Mediterrâneo.

As autoridades retiraram migrantes de um total de 68 embarcações diferentes, oriundas sobretudo da costa africana.