• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Dezenas de relicários exibidos no Museu de Santa Cruz

11/03/2018 09:42

A exposição Jesus Cristo: o seu testemunho de Esperança foi ontem inaugurada no Museu de Santa Cruz. É mais uma mostra que enriquece o programa cultural das Solenidades da Semana Santa.

Dezenas de relicários que fazem parte do espólio da Igreja de Santa Cruz exibem-se na exposição Jesus Cristo - o seu testemunho de esperança, que foi ontem inaugurada no Museu de Santa Cruz. Mais uma mostra para bracarenses e visitantes visitarem no âmbito do programa cultural das Solenidades da Quaresma e da Semana Santa de Braga.
Esta exposição conta a história da salvação através de imagens, objectos e sinais, sublinhou na ocasião o provedor da Irmandade de Santa Cruz, Luís Rufo, frisando que esta é também uma forma de a instituição que lidera integrar o programa cultural e religioso das Solenidas da Semana Santa, até porque é uma das suas instituições fundadoras.

Mas não só. O provedor explica que esta é também uma maneira de colocarmos à disposição de todos o nosso espólio, que é muito rico e único - o que resulta numa maior aproximação à comunidade, convidando-a, desde já, a visitar esta exposição, mas também o nosso Tesouro-Museu.
Refira-se que a Irmandade de Santa Cruz possui um grande espólio histórico, religioso e artístico e desde há vários anos tem vindo a mostrar ao público algum do seu acervo mais representativo.
E esta exposição, em concreto, que contou com a coordenação do cónego António Macedo, tem como principal objectivo colocar a arte sacra ao serviço da Evangelização e da Cultura.
Nos três espaços da exposição temporária encontram-se imagens, objectos, sinais e figuras que exprimem a história do povo de Deus, explica-se do panfleto que acompanha a exposição.

Como neste momento a Igreja de Santa Cruz se encontra em obras, esta exposição integra também os 12 bustos relicários, em cujo interior se encontram à vista pequenos pedaços de osso e sangue de santos.
A mostra é composta por outros objectos de arte sacra, contendo a mesma mensagem de testemunho de esperança.
Quem visitar esta exposição tem acesso directo à Sala do Tesouro Museu, onde as suas vitrinas mostram ao público visitante todo o tipo de paramentos usados para a celebração eucarística desde o séc. XVII, bem como cálices, castiçais, medalões, caixas de hóstias, entre outras relíquias de grande valor.