• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

PJ deteve dois alegados incendiários em Viana do Castelo e Cabeceiras de Basto

13/10/2017 12:42

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga anunciou hoje a detenção de dois alegados responsáveis por incêndios florestais registados nos concelhos de Viana do Castelo e Cabeceiras de Basto.

Em comunicado, a PJ refere que o incêndio de Viana do Castelo ocorreu quinta-feira na freguesia de Barroselas, sendo a suspeita uma mulher de 36 anos, funcionária de um lar de idosos daquela freguesia.

Fonte da PJ disse à Lusa que desde setembro já se registaram nove incêndios nas imediações daquele lar, sendo a mulher agora detida a suspeita de os ter ateado.

Em relação ao incêndio de Cabeceiras de Basto, registado face à EN-205, o detido é um homem de 56 anos, sem ocupação laboral e residente naquele concelho do distrito de Braga.

O suspeito terá atuado “num quadro de consumo excessivo de bebidas alcoólicas e desavenças familiares”.

Os detidos vão ser levados a tribunal, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das respetivas medidas de coação.

Em 2017, a Polícia Judiciária já identificou e deteve 100 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

mapa do site

2010 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: New-Consulting