• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Presidente da França convoca reunião de emergência depois de tiroteio em Paris

20/04/2017 21:02

O Presidente da França, François Hollande, anunciou hoje a convocação de uma reunião de emergência no seguimento do ataque a dois polícias que patrulhavam a zona próxima da estação de metro Franklin Roosevelt, em Paris.

O anúncio da reunião surge depois de a polícia ter anunciado que foi abatido a tiro o atacante que matou um agente policial e causou ferimentos graves a outro, num tiroteio ao início da noite de hoje nos Campos Elísios, em Paris.

O primeiro-ministro, Bernard Cazeneuve, visitou o Palácio do Eliseu, a residência oficial do Presidente da República de França, para fazer um ponto de situação sobre o tiroteio desta noite, ocorrido três dias antes da primeira volta das eleições presidenciais francesas, no qual morreram dois polícias e o atirador, estando um agente das forças de segurança ferido.

Desde 2015, a França vem enfrentando uma onde sem precedentes de ataques terroristas, que já vitimaram 238 pessoas.

A porta-voz da polícia da capital francesa, Johanna Primevert, afirmou à agência Associated Press que o atacante se dirigiu aos agentes que guardavam a área próxima da estação de metro Franklin Roosevelt, pelas 21:00 locais (20:00 em Lisboa), no centro da avenida parisiense.

As autoridades apelaram à população para que evite a zona dos Campos Elísios, no centro da capital francesa, onde a circulação foi cortada pelas forças de segurança.

A estação televisiva francesa BFM-TV noticiou que o presumível agressor foi abatido ou neutralizado.

Uma testemunha ouvida por este canal televisivo relatou ter ouvido tiros, viu um homem no chão e a área foi rapidamente evacuada pela polícia.

A polícia apenas informou que há uma “intervenção em curso” no local, cheia de comércio e restaurantes, e pediu aos cidadãos para que “evitem a zona”. Ao início da noite, havia muitos carros da polícia na avenida.

O ataque ocorre a três dias da primeira volta das tensas eleições presidenciais em França, em que a segurança é um dos temas em destaque, após vários ataques terroristas no país nos últimos anos.

mapa do site

2010 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: New-Consulting