• Correio do Minho
Correio do Minho

Correio do Minho

Formulário de pesquisa

Bloco de Esquerda abre esta quarta-feira processo legislativo sobre morte assistida

15/02/2017 00:02

O Bloco de Esquerda abre, hoje o processo legislativo sobre a morte assistida em Portugal, um tema que divide o país político e a sociedade, com a apresentação de um anteprojeto de lei.

Além do BE, o PAN (Pessoas-Animais Natureza) e o Partido Ecologista “Os Verdes” anunciaram iniciativas, ainda sem data anunciada, e a convocação de um referendo é já uma possibilidade admitida pelo CDS-PP.

O anteprojeto bloquista, que será depois objeto de vários debates nas próximas semanas, divide os deputados em São Bento, a começar à esquerda. Os dois principais partidos, PS e PSD, já deram liberdade de voto aos seus parlamentares.

O líder do PCP, Jerónimo de Sousa, considerou, na quinta-feira, prematura qualquer iniciativa legislativa sobre a eutanásia, defendendo um debate amplo, profundo e generalizado, e o PSD pediu aos partidos que não tenham pressa em arrancar com o debate.


No sábado, o semanário Expresso publicou um estudo da Eurosondagem segundo a qual a maioria dos inquiridos (46,1%) é favorável à despenalização da morte assistida, contra 27,4% que são contra. Sobre o referendo, a maioria (44,1%) é a favor e 32,7% é contra.

mapa do site

2010 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: New-Consulting